Portugal entra para o grupo de países mais digitais na Europa

    Portugal entrou no D9+, o grupo informal que junta os países da União Europeia com melhor classificação no Índice Anual de Economia e Sociedade Digital.

    Portugal junta-se assim à Dinamarca, Finlândia, Suécia, Holanda, Luxemburgo, Bélgica, Reino Unido, Irlanda e Estónia, os membros iniciais do D9+, a que se juntaram a República Checa e a Polónia, e que conta agora com 12 países neste grupo informal.

    O Secretário de Estado para a Transição Digital destaca que «este é um importante reconhecimento do trabalho em curso para que Portugal seja, cada vez mais, reconhecido como um líder da Inovação na Europa. A entrada no D9+ é especialmente relevante numa altura em que estamos em preparação para a Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia».

    Esta entrada foi acompanhada pela assinatura da posição conjunta sobre Inteligência Artificial, intitulada Innovative and Trustworth AI: Two Sides of the same Coin, um documento não oficial que defende a adoção de uma estratégia Europeia comum para esta tecnologia, centrada na promoção da inovação e minimizando os riscos através da criação de uma estrutura regulativa clara, alinhada com os princípios éticos da União Europeia.

    Recorde-se ainda que Portugal foi recentemente considerado pela Comissão Europeia como “país fortemente inovador”, de acordo com a edição de 2020 do European Innovation Scoreboard (EIS 2020), ocupando o 12.º lugar do ranking dos países mais inovadores da União Europeia, tendo subido seis lugares face à posição que ocupava no EIS 2016.

    O processo de transformação digital consiste na mudança de processos, sistemas e tecnologia para atingir resultados mais eficientes e eficazes. Saiba um pouco mais sobre o que é a transformação digital aqui.

    Quer digitalizar o seu negócio?

    A nossa consultoria de transformação digital ajuda as entidades no processo da digitalização e otimização de recursos

    Contacte-nos: info@neomarca.pt | 289 098 720 | 915 990 790